(Antonio Cruz/Agência Brasil)
Política

Fundo eleitoral: Bolsonaro usa impeachment para cativar eleitorado fiel

(atualizado: 02/01/2020, 14:35) leandro@vortex.media

Ao repetir nesta terça-feira (02/01) que deve sancionar o valor do fundo eleitoral deste ano em R$ 2 bilhões, o presidente Jair Bolsonaro fez apenas uma jogada política para agradar seu eleitorado mais fiel. 

Para justificar o ato, Bolsonaro voltou a dizer que enxerga o risco de sofrer um processo de impeachment caso vete o valor aprovado pelo Congresso em dezembro. Assim, joga a culpa da medida em deputados e senadores.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Apoie o nosso jornalismo para que possamos ajudar a elevar a democracia.

Plano Anual com 30% de desconto.

Plano Mensal.

Plano Gratuito válido por 30 dias.

Já é assinante?

Newsletter

Reportagens exclusivas e as notícias mais quentes na sua caixa de e-mail.

Valorizamos sua privacidade. Nunca enviaremos spam ou compartilharemos suas informações com terceiros.

Assine

O novo modo de fazer jornalismo de que o novo Brasil precisa.

Apoie o nosso jornalismo para que possamos ajudar a elevar a democracia.
Assine Vortex