( Nelson Jr SCO STF)
Política

A pedido da AGU, Supremo adia exame de aposentadoria especial de parlamentares

(atualizado: 07/11/2019, 14:28) matheus@vortex.media

O Supremo Tribunal Federal (STF) adiou recentemente o julgamento de uma ação que questiona a aposentadoria especial concedida a 84 ex-deputados federais e 14 ex-senadores. Esses parlamentares ganharam o benefício de 1997 para cá, com base em regras mais generosas que as do Regime Geral da Previdência Social. Um deputado ou senador pode se aposentar com o salário integral de R$ 33,7 mil, enquanto o teto para os cidadãos é de R$ 5,8 mil.

Por que isso importa?

O benefício é um privilégio concedido apenas a parlamentares.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Apoie o nosso jornalismo para que possamos ajudar a elevar a democracia.

Plano Anual com 30% de desconto.

Plano Mensal.

Plano Gratuito válido por 30 dias.

Já é assinante?

Newsletter

Reportagens exclusivas e as notícias mais quentes na sua caixa de e-mail.

Valorizamos sua privacidade. Nunca enviaremos spam ou compartilharemos suas informações com terceiros.

Assine

O novo modo de fazer jornalismo de que o novo Brasil precisa.

Apoie o nosso jornalismo para que possamos ajudar a elevar a democracia.
Assine Vortex